Curso Shantala - Fisioterapeuta Materno-Infantil especialista em Shantala
Cursos  Shantala para Pais e Profissionais Veja tudo sobre shantala que apareceu na internet e outras midías Produtos para a pratica da Shantala Conheça os nossos parceiros      
   
O que é Shantala

 


Shantala é uma massagem indiana milenar, tão antiga que não se sabe precisar a sua origem.

É muito comum na Índia encontrar em ruas e praças públicas mães massageando os seus bebês e crianças, como num hábito cotidiano de cuidado e carinho. E foi assim ao acaso, que a massagem foi descoberta pelo médico ginecologista e obstetra francês, Dr. Frédérick Leboyer.

Numa de suas viagens à Índia, Dr. Leboyer avistou uma jovem mãe massageando o seu bebê numa rua de Calcutá. Maravilhado com a cena, pediu à mãe que deixasse ser fotografada, documentando e estudando cada passo dessa técnica. A massagem foi trazida ao Ocidente, que até então não tinha nome. Nada mais adequado que batizá-la com nome da jovem mãe, assim ficou Shantala.

Desde então, a Shantala vem se tornando cada vez mais popular, por proporcionar relaxamento, bem-estar e ampliar o contato com o bebê.

Na Índia pouco após o nascimento as mães já praticam a técnica no seu bebê e com a intimidade da massagem e a rotina aumentam o tempo aos poucos. Aqui no Brasil, geralmente as mães iniciam a partir do primeiro mês de vida. A técnica não é exclusiva para os bebês e pode ser iniciada em qualquer faixa etária (até em crianças grandes) e deverá ser realizada enquanto houver consentimento de ambos.

A massagem Shantala é realizada com o bebê ou criança desnudo, sobre as pernas estendidas da mãe, num local tranquilo e aquecido, para deslizar usamos óleo de origem vegetal.

É um momento de intensa intimidade, por isso o papai também é convidado a participar desse momento. Afinal, o bebê precisa das duas referências.

A massagem dura de 15 a 30 minutos, dependendo da idade do pequeno e aceitação ao toque. Os movimentos são dinâmicos e alongamentos passivos por todo o corpo do bebê, tais como: peito, braços, mãos, barriga, pernas, pés, costas e rosto.

Voltar para o topo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Muito mais do que uma técnica de massagem destinada ao público infantil, Shantala é uma forma de transmitir amor e proteção através do toque sutil das mãos.

O toque é o primeiro tipo de comunicação. O bebê tende a refletir tudo aquilo que por ele é absorvido, seja tranquilidade, carinho ou tensões. Esse contato com a pele traz a lembrança intra-útero. O tato, esse órgão do sentido, começa a se desenvolver na 6ª semana gestacional e é muito vivenciado pelo bebê quando tocado pelas estruturas do útero e pelas carícias que a mãe faz e recebe na barriga.
Ao ser tocado após o nascimento, o bebê se lembra daquela sensação de segurança e sente-se protegido.

O órgão do tato significa ter contato. E esse contato através da Shantala é importante para formação da imagem corporal do bebê. Com os movimentos da massagem ele descobrirá o seu tamanho, força e flexibilidade, o seu próprio corpo (pernas, mãos, pés) e o espaço que seu corpo ocupa.

Conhecendo melhor o seu corpo, o pequeno explorará mais o ambiente e o seu desenvolvimento será favorecido. Os pais também aprendem a conhecer e reconhecer as expressões corporais do bebê, promovendo um canal a mais de comunicação.

Shantala tem a sua devida importância por ser um momento único entre quem massageia e o pequeno que recebe. Nesse momento a mãe ou pai se coloca inteiramente em atenção para o filho (a), tocando-o (a), conversando com a sua pele. O toque vai aonde as palavras não alcançam.

Voltar para o topo

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 



Shantala possui inúmeros benefícios no desenvolvimento do bebê e criança, tais como:

- Melhora o relacionamento mãe/pai/filho (a) e fortalece o vínculo afetivo;

- Ativa a circulação sanguínea e linfática;

- Promove o relaxamento, diminuindo stress;

- Tranquiliza e melhora a qualidade do sono;

- Alivia e previne gases, cólicas ou prisão de ventre;

- Amplia a capacidade respiratória;

- Aumenta a resistência imunológica;

- Auxilia no crescimento físico;

- Favorece o ganho de peso;

- O bebê ou criança desenvolve atenção para o próprio corpo;

- Auxilia no desenvolvimento motor;

- Minimiza o stress na fase de dentição;

- Os pais aprendem a conhecer melhor o filho (a).

Shantala também contribui no tratamento de crianças com atrasos, tais como:

Auxilia o pleno desenvolvimento de crianças prematuras;
Auxilia no tratamento de crianças com necessidades especiais como Síndrome de Down e Paralisia Cerebral;
Contribui no tratamento de crianças autistas e hiperativas.


.
Curso Shantala | Informações: (11) 9 7697-9398 | contato@cursoshantala.com.br
Desenvolvido por
Baiuca Cultural e Yamadesigner
Todos os Direitos Reservados